Melhores práticas para integração de microvídeos na estratégia de marketing de conteúdo

Make Your Videos Mobile Friendly

Microvídeos são videoclipes curtos que podem ser usados ​​para fornecer informações rapidamente sobre uma ampla variedade de tópicos. Eles são envolventes e compartilháveis ​​com os consumidores de hoje – que tendem a ter períodos curtos de atenção – e são perfeitos se você deseja realizar muito em pouco tempo.

Um microvídeo pode ser usado para diversos fins, mas um dos melhores usos é como uma explicação rápida de conceitos que podem ser difíceis de entender. Por exemplo, digamos que você queira explicar o que uma empresa faz, mas não tem tempo de fazer um vídeo completo. Nesse caso, um microvídeo pode preencher rapidamente as lacunas, oferecendo conselhos e informações sobre o tema, sem entrar em muitos detalhes.

Para aproveitar ao máximo seus microvídeos, siga estas dicas:

1. Mantenha seus vídeos com menos de 3 minutos

Os microvídeos devem ser curtos e diretos. Portanto, limite seus vídeos a cerca de um ou dois minutos. Você pode usar vídeos mais longos se eles oferecerem detalhes adicionais, mas todo o conteúdo principal dos seus microvídeos deve ter menos de três minutos.

Para manter seus vídeos curtos, torne o conteúdo conciso e sobre um tema específico. Lembre-se também de que vídeos mais longos geralmente exigem um investimento maior na produção. Se você está procurando um visual sem esforço, talvez seja melhor optar por um vídeo mais curto.

Não hesite em usar microvídeos para abordar conceitos que podem ser problemáticos para seus clientes. Ao fornecer explicações concisas e fáceis de entender, você pode ajudá-los a entender melhor sua marca e o que ela tem a oferecer, sem exagerar.

2. Torne seus vídeos compatíveis com dispositivos móveis

Uma ótima maneira de garantir que seus vídeos possam ser compartilhados é torná-los fáceis de assistir em qualquer lugar. Se você enviar conteúdo de microvídeo para mídias sociais ou site, verifique as dimensões do vídeo antes de publicá-lo.

Os vídeos têm proporções diferentes dependendo de onde serão visualizados. Portanto, pense em como seus vídeos aparecerão em cada canal de distribuição antes de enviá-los.

Aqui estão mais dicas otimizadas para dispositivos móveis:

  • Encurte o URL do seu vídeo com um serviço de encurtamento de links (exemplos: Bitly, TinyURL e ShortURL).
  • Use anotações para facilitar aos espectadores o compartilhamento do vídeo em sua plataforma de mídia social favorita.
  • Use uma imagem alinhada à direita com o título e a frase de chamariz do seu vídeo, que ficará visível quando o espectador aumentar o zoom.

3. Use o melhor software de gravação de tela

Quer você carregue seus vídeos nas redes sociais ou os use para outros fins, eles devem ser de alta qualidade. Uma ótima maneira de fazer isso é criar gravações de tela usando o melhor software disponível.

A maioria dos softwares de gravação de tela oferece ferramentas essenciais, como opções de duração do vídeo e tamanho do arquivo, mas alguns também permitem ajustar outros fatores, como a qualidade do vídeo. É importante ter isso em mente se você estiver procurando uma aparência profissional.

Os microvídeos não exigirão muito trabalho extra de sua parte, portanto, não há necessidade de pagar uma quantia excessiva por recursos extras que você provavelmente não usará. Se você encontrar uma opção confiável e acessível que atenda às suas necessidades, vá em frente!

4. Use diferentes tipos de vídeo

Embora os vídeos curtos sejam ótimos, você também pode se beneficiar de outros tipos de vídeos. Por exemplo, inclua uma combinação de vídeos de instruções, perguntas e respostas com especialistas em seu setor e depoimentos de clientes satisfeitos para garantir que você cubra todas as bases.

Aqui estão algumas outras ideias de vídeos:

  • Vídeos “Conhecendo você” que dão aos clientes a oportunidade de baixar a guarda e conhecer sua marca.
  • Vídeos “Outliner” que listam rapidamente os detalhes de sua proposta de valor sem se aprofundar muito.
  • Vídeos de resposta rápida que permitem fornecer informações em tempo real sobre eventos atuais ou outros tópicos de tendência.

Quanto mais tipos de vídeos você oferecer, melhor. Use esses conceitos como ponto de partida e pense no que seria mais útil para o seu público com base em onde ele está no processo de compra e nos desafios que enfrenta.

Diversificar o conteúdo do seu vídeo também dá ao seu público uma ideia melhor do tipo de conteúdo valioso que você oferece e pode até incentivá-lo a se inscrever.

O conteúdo de microvídeo não se destina a substituir ofertas de vídeo completo e é melhor usado como um recurso adicional para consumidores que desejam informações resumidas. No entanto, se você implementar essas dicas, seus microvídeos poderão ser uma ferramenta eficaz em sua estratégia de marketing de conteúdo. Eles entregarão o tipo de valor que cria confiança, impulsiona o engajamento e gera vendas.