referência: definição

DEFINITION

Uma referência é uma referência a uma fonte específica de informação. Pode ser um livro, um artigo de jornal, uma página da web, etc. As referências tornam mais fácil para os leitores encontrarem as informações que você usou em seu artigo. Existem diferentes tipos de referências que são utilizadas dependendo do tipo de documento consultado. Aqui estão alguns exemplos de referências comuns:

Definição de uma referência

Existem vários tipos de referências que os pesquisadores podem utilizar em seus trabalhos. A primeira e mais comum é a referência bibliográfica. Isto significa simplesmente que consultaram um livro, artigo ou outro documento para encontrar informações sobre o seu tema. A segunda é referência pessoal. Isso significa que eles conversaram com alguém que conhece o assunto e pode fornecer informações valiosas. A terceira é a referência especializada. Isso significa que eles consultaram alguém considerado especialista na área e pode lhes dar conselhos específicos.

Tipos de referências

Existem diferentes tipos de referências que podem ser utilizadas dependendo do contexto e das necessidades. As referências podem ser classificadas em quatro categorias principais: referências bibliográficas, referências documentais, referências eletrônicas e referências online. Cada uma dessas categorias inclui vários tipos específicos de referências que possuem utilidade e funcionamento próprios.

As referências bibliográficas são as mais comuns e mais utilizadas. Eles incluem obras como livros, periódicos, ensaios, teses, etc. Essas fontes podem ser consultadas pessoalmente ou online. Para citar uma fonte bibliográfica basta mencionar o autor, o título da obra, a editora, a data de publicação e, quando for o caso, o número da página.

Referências documentais são fontes que não são publicadas, como relatórios, notas de aula, transcrições, entrevistas, etc. Essas fontes geralmente não estão disponíveis publicamente e devem ser obtidas de seu autor ou proprietário. Para citar uma fonte documental, deve-se citar o autor, o título do documento, o tipo de documento, a data de criação e, se for o caso, o número da página.

Referências eletrônicas são fontes que existem apenas em formato digital, como sites, blogs, imagens, vídeos, etc. Essas fontes podem ser acessadas online a partir de um computador ou dispositivo móvel. Para citar uma fonte eletrônica, deve-se citar o autor, o título da fonte, o tipo de fonte, a data de publicação e, se for o caso, a URL.

Referências online são fontes que existem apenas online, como postagens de blogs, enciclopédias, dicionários, bancos de dados, etc. Essas fontes podem ser acessadas online a partir de um computador ou dispositivo móvel. Para citar uma fonte online, é necessário mencionar o autor, o título da fonte, o tipo de fonte, a data de publicação e, se for o caso, a URL.

Referências bibliográficas

Muitos autores tentaram definir o que é uma referência bibliográfica. Segundo algumas definições, uma referência bibliográfica é uma “ferramenta que permite ao leitor situar um documento em relação a outros”. Outras definições afirmam que as referências bibliográficas são “ferramentas que permitem ao leitor encontrar um documento”. Em outras palavras, as referências bibliográficas são ferramentas que ajudam o leitor a encontrar documentos e situá-los em relação a outros.

Existem diferentes tipos de referências bibliográficas. As referências mais comuns são referências online, referências impressas e referências eletrônicas. Referências online são referências encontradas na web. Referências impressas são referências encontradas em livros, revistas ou jornais. Referências eletrônicas são referências encontradas em bancos de dados eletrônicos.

As referências online podem ser divididas em três categorias: referências de hipertexto, referências bibliográficas online e referências eletrônicas. Referências de hipertexto são referências encontradas em documentos HTML. Referências bibliográficas online são referências encontradas em bases de dados online. Referências eletrônicas são referências encontradas em arquivos eletrônicos, como PDF ou Word.

As referências impressas podem ser divididas em duas categorias: referências bibliográficas e referências eletrônicas. Referências bibliográficas são referências encontradas em livros, revistas ou jornais. Referências eletrônicas são referências encontradas em arquivos eletrônicos, como PDF ou Word.

As referências eletrônicas podem ser divididas em duas categorias: referências bibliográficas e referências eletrônicas. Referências bibliográficas são referências encontradas em livros, revistas ou jornais. Referências eletrônicas são referências encontradas em arquivos eletrônicos, como PDF ou Word.

Referências da Internet

As referências da Internet podem ser divididas em duas grandes categorias: referências ativas e referências passivas. Referências ativas são links de hipertexto que levam diretamente à fonte de informação. As referências passivas, por outro lado, não fornecem uma ligação direta à fonte de informação, mas limitam-se à descrição desta última.

As referências ativas da Internet são geralmente mais confiáveis ​​do que as referências passivas porque permitem a verificação direta da precisão das informações. No entanto, há exceções a esta regra, inclusive quando a fonte da informação é protegida por senha ou quando o link está desatualizado. As referências passivas também podem ser confiáveis, mas é mais difícil verificar a exatidão das informações que fornecem.

Existem vários tipos de referências ativas na Internet, incluindo sites, blogs, fóruns, redes sociais, feeds RSS, vídeos online, podcasts e aplicações web. Sites são páginas da web criadas por indivíduos ou organizações com a finalidade de fornecer informações precisas e confiáveis. Blogs são sites pessoais onde os autores postam regularmente artigos sobre um determinado assunto. Fóruns são sites onde as pessoas podem conversar entre si sobre um determinado tópico. As redes sociais são plataformas online que permitem aos utilizadores da Internet conectar-se e partilhar conteúdos. Feeds RSS são arquivos XML para rastrear atualizações em sites específicos. Vídeos online são vídeos hospedados em sites como YouTube ou Vimeo. Podcasts são arquivos de áudio transmitidos pela Internet. Aplicativos da Web são programas executados em um navegador da Web e permitem que os usuários da Internet acessem e interajam com as informações.

É importante compreender as diferentes definições e tipos de referências porque isso o ajudará a entender melhor como citar fontes em seu trabalho. As referências bibliográficas e da Internet são os dois tipos de referências mais comuns, mas também existem outros tipos de referências que podem ser utilizados.